Problemas e cuidados no ouvido durante o inverno

A chegada do inverno é geralmente acompanhada de baixas temperaturas e ventos fortes. Como consequência, as pessoas ficam mais suscetíveis a problemas como gripes e infecções. Quando falamos da saúde auditiva não é diferente, sendo comum as infecções do nível médio do ouvido, causadas por doenças relacionadas ao frio.
No inverno, temos um aumento de doenças respiratórias que, por o nariz ser ligado ao ouvido, podem causar dores e afetar a audição. Também são comuns em crianças, pois a tuba auditiva é menor e próxima à garganta. Por isso é importante certos cuidados para evitar gripes, resfriados, sinusite, entre outros, e assim diminuir a possibilidade de infecções no ouvido.

Proteja os ouvidos durante o inverno

A principal recomendação para precaver o surgimento de doenças no inverno é o agasalhamento apropriado, certificando-se de proteger a orelha. Além disso, é importante tomar cuidado com rinites, gripes e resfriados. Ao evitar esses problemas, são poucas as chances de sofrer com dor de ouvido.

Higienização correta dos ouvidos
Os hábitos de higiene apropriados é uma recomendação básica para evitar ferimentos e infecções auditivas. A limpeza do ouvido deve ser apenas na área externa e de forma delicada, evitando o uso de hastes flexíveis que apenas empurram a cera para a parte mais interna do ouvido, correndo o risco de perfurar o tímpano.
A cera é uma proteção natural dos ouvidos que é expelida de forma espontânea. Caso esteja em excesso, deverá ser removida de forma segura por otorrinolaringologista.

Consuma alimentos saudáveis
Uma dieta saudável traz inúmeros benefícios para a saúde e tem um grande impacto no sistema auditivo. Um dos nutrientes fundamentais para audição é o potássio, pois auxilia a transmissão de impulsos nervosos. Pode ser encontrado na batata, feijão espinafre, banana, damasco, melão e laranja.
A vitamina B12 é importante para o sistema nervoso, mas também reforça o sistema auditivo. Esta pode ser encontrada em alimentos como: carnes vermelhas, algas, fígado, leites e derivados. Alimentos com vitaminas C e E também são fundamentais para uma boa saúde auditiva.

Cuidados com bebês
Para as crianças, é necessário tomar cuidado para não deitar o bebê após a amamentação. É preciso esperar um tempo, para assim evitar refluxos que poderiam expor a tuba auditiva do bebê a entrada de bactérias.

Fique atento!
Ao apresentar dores no ouvido, muitas pessoas recorrem a medicamentos caseiros, como inserir cotonete mergulhado no azeite dentro do canal auditivo. Mesmo que dê um alívio momentâneo, os especialistas recomendam evitar esse tipo de tratamento. Ao utilizá-lo, muitas vezes você coloca em risco sua saúde, podendo causar traumas, queimaduras e até perfuração do tímpano.
Caso esteja sentindo dor, o recomendado é procurar o médico para averiguar o que está provocando o sintoma e passar o tratamento correto. No mais, agasalhe-se bem e evite contato com pessoas doentes.

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

TUDO SOBRE AUDIÇÃO

+10.000 assinantes curtem nosso conteúdo.