O Zumbido Afeta o Seu Sono e Você Não Consegue Dormir?

O zumbido, também chamado “tinnitus” ou “acufenos”, é uma queixa bastante comum quando se trata de problemas relacionados a audição. Segundo a OMS, 28 milhões de brasileiros convivem com esse sintoma e, apesar de não ser considerado um problema de saúde grave, pode causar grande desconforto no dia a dia, afetando, inclusive, a qualidade do sono.

Entenda o que é o zumbido

O zumbido pode ser definido como um som que somente você ouve, produzido no ouvido ou no cérebro, já que não é provocado por uma fonte externa. Pode ser um chiado, apito, sirene, clique, um som parecido com uma panela de pressão ou até as batidas do coração. De forma geral, é uma sensação sonora irritante e constante.

O chiado pode ocorrer em um ou ambos os ouvidos, ser passageiro ou não. É um sintoma e não uma doença, podendo ter diversas causas. Das mais comuns, a exposição prolongada a sons altos é uma das principais, mas também pode ser provocado por excesso de cera no ouvido, lesões ou infecções. Pode ter causas menos aparentes, como abusar da cafeína, álcool e tabaco, até mesmo desvios de coluna ou diabetes.

Como tratar do zumbido

O zumbido é geralmente acompanhado de uma perda de audição. Nesses casos, com o auxílio de um médico otorrino, é possível descobrir a causa do problema e assim definir a melhor abordagem de tratamento. Este pode ser uma mudança no estilo de vida, tratamentos para ansiedade ou até aparelhos auditivos.

Infelizmente não há nada cientificamente comprovado que cure o zumbido por completo. Mas existem maneiras para melhorar o convívio com o sintoma ou até mesmo amenizá-lo, como por exemplo, o uso do aparelho auditivo para zumbido.

Mas afinal, como melhorar o meu sono?

Na hora de dormir, o zumbido pode tornar um desafio cair no sono. Mas é possível adotar alguns cuidados para lidar com o problema, como:

  • Evite cafeína, nicotina e outros estimulantes.
  • Pratique exercícios físicos, pois além de ótimos para a saúde em geral, também diminuem o estresse e ansiedade, que são possíveis causas para o zumbido;
  • Coloque algum som relaxante na hora de dormir, assim você não dorme no silêncio e oculta o zumbido;

Alguns medicamentos também podem causar ou piorar o caso de zumbido, por isso se recorre a algum remédio, investigue se este pode causar o problema e pergunte ao seu médico se existem alternativas.

Também existem terapias cognitivas/comportamentais que podem auxiliar o convívio com o zumbido. Estas não usam medicamentos, mas sim de práticas de exercícios mentais, para aprender a lidar e viver com o problema e assim melhorar a qualidade de vida.

Mas caso esteja percebendo o zumbido, procure nossa clínica e agende uma consulta. Assim será possível avaliar a situação de forma definitiva e obter uma melhor orientação sobre como lidar com o problema.

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

TUDO SOBRE AUDIÇÃO

+10.000 assinantes curtem nosso conteúdo.